Capa 31 - Cultura do Estupro

#31 – Cultura do Estupro | Feijoada Noturna Podcast

Hoje o assunto é sério. Daniel Albino (@Danielalbino), Pedro Lennon (@pedrolennon) e Ronaldo Roque (@ronaldo_riley) convidaram Ana Cláudia Mello para conversar sobre a Cultura do Estupro.

PELO FIM DA CULTURA DO ESTUPRO

Falamos do caso que abalou o país nos últimos dias e foi manchete no exterior: o estupro ocorrido contra uma jovem, por 33 homens, em uma comunidade da Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Uma adolescente foi abusada recentemente e esse ocorrido foi apoiado por uns, porém criticados por muitos. Nesse episódio vamos conversar sobre a Cultura do Estupro, sobre o que aconteceu contra a jovem e que acontece com as mulheres todos os dias, e explicar que não é uma questão de opinião.

Esse termo é usado para designar uma série de práticas sociais que naturalizam o abuso, o estupro e a violência sexual, menosprezando e descredibilizando as vítimas, e protegendo os agressores.

Cantadas na rua, forçar um beijo, passar a mão, agredir mulheres pelo simples fato de negarem um contato, abusar em situações de “poder”, entre muitas outras formas de violências, são mais comuns que parece e constantemente aceitas na sociedade por estarem naturalizadas.

Esse não foi um caso isolado e deve ser debatido sempre. Precisamos, sim, falar sobre estupro.

Queremos te ouvir também, comente!

Links comentados: 

  • Canal do Pirula – A menina e os 33 (#Pirula 161) | https://youtu.be/OJfT6ZGOfXY
  • Canal do Pirula – Existe justificativa boa? (#Pirula 161) | https://youtu.be/97nVbG4qUk4

Fique conosco e ouça o podcast!

Duração: 1h20min
FEED DO FEIJOADA NOTURNA
feijoadanoturna.com.br/feed/podcast

Ouça também iTunes e avalie o nosso podcast! Sua avaliação ajuda na divulgação.
apple.co/1NFPdVL

Não deixe de comentar. O seu feedback é muito importante. Críticas, sugestões abaixo ou pelo e-mail: contato@feijoadanoturna.com.br

Siga-nos nas Redes Sociais:

Facebook: feijoadanoturna
Twitter: @feijoadanoturna

Ouça essa bagunça agora! E deixe seu feedback!

Compartilhar